Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Nina quer saber se você gosta dela.

por Fernando Lopes, 18 Mai 15

Recebi convite para aderir a uma rede social, Twoo. Como a pessoa de quem recebi o convite me merece consideração, fui inscrever-me naquilo que pensava se um sucedâneo do Facebook. Mensagens não li, criei um «perfil», respondi a meia-dúzia de questões da treta e olvidei.

 

Quando olho para o telemóvel tinha quatro ou cinco emails. Um dizia «Nina quer saber se você gosta dela», outra «Alice é o seu par ideal». Na primeira um rosto desfocado, na segunda uma senhora de 55 anos, cabelo em rebelião cromática e óculos à Elton John.

 

Passeei pela rede antes de apagar o meu perfil. Tipos de tronco nu e abdominais definidos, homens e mulheres com idade para ter juízo, ali expostos, desesperados para saberem se «gostam deles». Senti-me a ver um catálogo de acompanhantes de Beverly Hills, só que em mau.

 

Estranho mundo este em que os afectos são tão improváveis, que gente boa, provavelmente séria, tem de se expor em inventário para partilhar solidão, encontrar amante ou amor.

Autoria e outros dados (tags, etc)

2 comentários

De melguinha2 a 19.05.2015 às 17:45

kkkkkkkkkkkkkkkk,que cena mais ridicula,com certeza que é uma rede à qual não vou aderir,o facebook por outro lado é bem especial mas não vou lá muita vez!! Beijinhos e boa semana!!

De Fernando Lopes a 19.05.2015 às 20:04

O facebook tem quatro utilidades essenciais: trocarmos impressões com parentes distantes, reencontrar velhos amigos de liceu, ver como estão velhos(as) namorados(as) e tentar novos engates. Não é, definitivamente, a minha praia.

Comentar:

De
Ainda não tem um Blog no SAPO? Crie já um. É grátis.
Comentário
Máximo de 4300 caracteres

Pesquisar

Pesquisar no Blog

Feedback

subscrever feeds