Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Monstros debaixo da minha cama.

por Fernando Lopes, 19 Dez 16

Muitas vezes, muitas noites, tenho monstros debaixo da minha cama. Não como os das histórias infantis, assombrações apenas minhas, que só a mim atormentam. Pensamentos perdidos, projectos que não deram certo, vitórias, fracassos, humilhações, medos. Nem sempre se manifestam, as mais das vezes permanecem silenciosos, quietinhos, a fazer de conta que não existem. Não me assombram quando a noite está escura, aproveitam-se da minha insónia, dos meus temores, e atacam. Faço-me de forte, tento ignorá-los fazendo de conta que ali não estão, mas não desistem. Passei a noite a tenter enxotá-los. Inútil, continuaram a atacar, a servir-me memórias que pensava esquecidas, angústias velhas, velhas. E tu? Também tens monstros debaixo da cama?

Autoria e outros dados (tags, etc)

2 comentários

De Genny a 20.12.2016 às 09:48

Os meus monstros são a personificação da frustração e nem é preciso anoitecer para eles aparecerem.


Bom dia, Fernando!

De Fernando Lopes a 20.12.2016 às 13:02

Os meus são mais activos à noite, deve ser o silêncio.

Comentar:

De
Ainda não tem um Blog no SAPO? Crie já um. É grátis.
Comentário
Máximo de 4300 caracteres

Pesquisar

Pesquisar no Blog

Feedback

subscrever feeds