Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Eutanásia animal.

por Fernando Lopes, 10 Fev 18

Não tenho nenhuma certeza, sequer opinião, sobre eutanásia, excepção à minha, que tenho a ideia de praticar se algum dia a dor se tornar insuportável. Mas pode acontecer de me acobardar, agarrar-me à vida, a uma esperança inexistente.

 

Há uns anos tive de pedir que abatessem o meu cão, Fred de seu nome, que me acompanhou durante treze anos. Não estive com ele nos momentos finais, fugi dali a chorar. Hoje foi a vez do Lucky, um dogue alemão de catorze anos, cão da minha sogra. Como ninguém tinha coragem para o acompanhar, voluntariei-me. Nem um grão de arrependimento. Ao contrário do Fred, que estava catatónico, o Lucky ainda estava orientado. Reconheceu-me, lambeu-me as mãos, tentou deitar-se de barriga para o ar para lhe bater na peitaça como costumava fazer.

 

Decidi não chorar ou ser dramático. Afaguei-o, disse-lhe que era um cão grande e tonto, chamei-lhe feioso, exactamente como ele gostava que o mimassem num dia de sol.

 

Não houve drama, morreu sendo acarinhado e ouvindo-me murmurar-lhe ao ouvido – Lindo menino, o Lucky é lindo. Se passasse pelas mesmas circunstâncias, fá-lo-ia de novo. Partiu para o céu dos cães e deve estar nas correrias com o Fred.

Autoria e outros dados (tags, etc)

2 comentários

De mANUEL FREITAS a 11.02.2018 às 18:30

Hà um mes atrás passei por uma situação semelhante das relatadas aqui, tendo sido obrigado a pedir a eutanásia para a minha querida NINA, cadela arraçada de chiuaua que viveu connosco durante 17 anos. Acompanhou a meninice da minha filha  que hoje tem 20 anos. Foi mais doloroso, para todos nós, do que a morte de ALGUMAS pessoas de família; e continua a ser doloroso chegar a casa e não a ver  não a ver fazer as malandrices dela, não a ver junto da mesa a pedir comida. Apesar de doer muito , hoje voltava a fazer o mesmo.  Ela mereceu não sofre  mais. Abraço.

De Fernando Lopes a 11.02.2018 às 22:38

Nada a acrescentar a não ser deixar-lhe a minha compreensão e um sentido abraço.

Comentar:

De
Ainda não tem um Blog no SAPO? Crie já um. É grátis.
Comentário
Máximo de 4300 caracteres

Pesquisar

Pesquisar no Blog

Feedback

  • Fernando Lopes

    Sempre a considerá-lo sr. dr. soliplass. Digamos q...

  • soliplass

    Ora bem vindo seja às lides blogosmáticas, que sau...

  • Fernando Lopes

    Nunca nada é linear, então no amor é melhor nem fa...

  • Fernando Lopes

    Sempre certeira, Gaffe. Por essas e outras é que t...

subscrever feeds