Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Espanholitas.

por Fernando Lopes, 10 Jan 15

Já algumas vezes aqui expressei admiração pelas mulheres espanholas. Desde a infância, em que íamos a Vigo encher o carro de compras e pasmar perante a televisão a cores, que lhes encontrei uma atitude completamente diferente da das portuguesas. Tratam-te como igual, sem falsos pudores ou a armar em virgens. Se lhes apetece convidar um homem para sair fazem-no sem que isso termine forçosamente num caso ou sexo fortuito. Aconteceu-me em Granada, no sul de Espanha, na Galiza.

 

Hoje, numa das minhas caminhadas pela cidade, estacionei na esplanada habitual, bem no meio da minha rua favorita. Ao meu lado três jovens espanholas de 20 e poucos anos. Começaram a puxar conversa, queriam saber qual a zona de bares, restaurantes de comida tradicional, o que ver amanhã. Tudo simples, sem insinuações, olhares lânguidos ou observações atrevidas. Tinham idade para ser minhas filhas e não creio que lhes despertasse algum tipo de interesse sexual. Entendi que lhes dava jeito um guia/guarda-costas para as suas explorações da cidade.

 

Uma delas olhou-me discretamente para a mão e como não viu aliança não hesitou em dizer que teriam muito gosto se quisesse jantar com elas. Gentilmente declinei, explicando que tinha vindo fazer uma caminhada e que em breve regressaria a casa, até porque tinha a filha doente. Não as deixei ir embora sem lhes dar uma dica de um restaurante ali perto onde se come decentemente e por um preço em conta.

 

Gosto desta atitude, de mulheres que não têm medo nem pudores e que não hesitaram em convidar um desconhecido, não apenas por utilidade mas também por cortesia. Divirtam-se muchachas.

Autoria e outros dados (tags, etc)

Comentar:

De
Ainda não tem um Blog no SAPO? Crie já um. É grátis.
Comentário
Máximo de 4300 caracteres

Pesquisar

Pesquisar no Blog

Feedback

  • Fernando Lopes

    Sempre a considerá-lo sr. dr. soliplass. Digamos q...

  • soliplass

    Ora bem vindo seja às lides blogosmáticas, que sau...

  • Fernando Lopes

    Nunca nada é linear, então no amor é melhor nem fa...

  • Fernando Lopes

    Sempre certeira, Gaffe. Por essas e outras é que t...

subscrever feeds