Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Coisas simples.

por Fernando Lopes, 14 Set 13

A semana passa a correr numa lufa-lufa que se repete incessantemente, uma espécie de Sísifo que repete castigo eterno, sem fim à vista que não a abdicação por exaustão, ou num grande tour de force dramático, eu, Sísifo de pacotilha, morro esmagado pela pedra que tento levar ao cimo da montanha. Ao sábado, uma pausa que aproveitamos para um almoço tardio em que, com alguma frequência, convidamos amigos. Hoje, um amigo de infância, telefonou para nos encontrarmos. Estava a visitar a mãe e aproveitei para falar com ela. É tranquilizador sentir que algumas coisas permanecem imutáveis. Conversámos uns minutos e voltei a sentir-me o catraio que vai buscar o amigo para jogar à bola na Praça da República. Um ponto de luz neste caos e angústia que me rodeiam. A imutabilidade dos afectos num mundo duro, velho e feio. Coisas simples que me fazem renascer.

Autoria e outros dados (tags, etc)

Comentar:

De
Ainda não tem um Blog no SAPO? Crie já um. É grátis.
Comentário
Máximo de 4300 caracteres

Pesquisar

Pesquisar no Blog

Feedback

  • JOSÉ RONALDO CASSIANO DE CASTRO

    O Pretinho do Japão é citado, como profeta, em Ram...

  • Anónimo

    Quando a sorte é maniversa nada vale ao desinfeliz...

  • M Manel

    Só agora vi a mensagem anterior - note-se que quem...

  • M Manel

    Uma ajuda... Arranja aí uma base para eu poder de...

subscrever feeds