Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

A polémica da depilação genital feminina.

por Fernando Lopes, 5 Abr 13

Foi um dos primeiros temas abordados no purgatório. Agora, chegou ao Espesso, por mão de uma senhora de saltos altos. As opiniões são como o olho do cu, todos temos um e o dos outros cheira sempre mal. Sou totalmente libertário, pilosidades incluídas.

 

No entanto, a argumentação em defesa do tapete persa peca por inconsistente. Porque tiram as mulheres as pilosidades da cara, sovacos e pernas? Não estarão também aí os pêlos a exercer uma função protectora? Porque é que uma perna pode ser depilada e uma vulva não?

 

As infecções que o respeitável British Medical Journal achou mais frequentes não devem ser fáceis de provar, uma vez que é importante ter em conta o comportamento sexual e nível de higiene das donas da respectiva vagina. Além do mais os pêlos são óptimo abrigo para chatos e outros animais pouco recomendáveis.

 

E porque é que muitas asiáticas são naturalmente imberbes na púbis? Estarão elas mais sujeitas a infecções e doenças sexualmente transmissíveis? Só se praticarem a mais velha profissão do mundo.

 

Cada um a seu gosto, não me move nenhum instinto pedófilo ou similar. Dá-se o estranho facto de gostar de vaginas e achar particularmente sexy as depiladas. E depois?

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

Temas:

2 comentários

De O Abominável Careca a 05.04.2013 às 21:02

Boas,

Hoje estou particularmente regalado a assistir no sofá à desgraça do "Pedrito" e respectiva pandilha!
Mas voltando ao que me traz por cá, gostei da foto anciã e que surpresa seria ouvir qual a sua opinião acerca deste assunto...
Com certeza que diria o seguinte..." Ó filho, eu não percebo nada dessas coisas dos pêlos, deixa-me é ír num instante à cozinha que o jantar já está todo esturricado..."!

Um abraço

De Fernando Lopes a 05.04.2013 às 23:11

Convenhamos que vida sexual dela já deve ter tido melhores dias. Nem beijos. ;)

Comentar:

De
Ainda não tem um Blog no SAPO? Crie já um. É grátis.
Comentário
Máximo de 4300 caracteres

Pesquisar

Pesquisar no Blog

Feedback

subscrever feeds