Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Um país em greve … se pudesse

por Fernando Lopes, 12 Jul 12

Privado dos canais por cabo, com um acesso à net mais do que medíocre, sinto-me completamente limitado no acesso à informação. Resta-me o jornal i e os telejornais dos canais generalistas. No debate do Estado da Nação, PPC mostrou-se particularmente preocupado com merda e ventoinhas. "Não atiraremos porcaria para a ventoinha", disse o PM. Infelizmente, como todos já nos apercebemos, a merda está feita e a ventoinha empunhada pela troika encarrega-se de a espalhar por todo o continente, sendo agora a vez de Espanha. Uma nova fúria austeritária, desta vez numa nação com mais de 20% de desempregados, não terá certamente um final feliz.

 

O povo português consegue surpreender-me positivamente de quando em vez. E fê-lo ao apoiar a greve dos médicos de um modo firme e inequívoco. Em vez de atacarem as "classes privilegiadas", os inquiridos mostravam-se compreensivos e solidários com os motivos que conduziram os médicos à greve e principalmente com a defesa do SNS. Não fosse o medo, a precariedade laboral e os baixíssimos salários que não permitem abdicar de um dia de vencimento, e parece-me que Portugal inteiro entraria em greve.

Autoria e outros dados (tags, etc)

2 comentários

De O Abominável Careca a 12.07.2012 às 19:28

Boas Tardes,

De passagem diária aqui pelo purgatório, reparo que das duas uma, ou o pessoal está de férias ou então estão à espera que algo entre em erupção, tal é o feed-Back dos visitantes deste cantinho plural e por vezes pouco democráctico...;)
Em relação ao assunto postado parece-me que de greves a pagar do próprio já toda a gente chegou à conclusão que tal não é alternativa aos dias que correm, urge se calhar é ter uma postura mais assertiva, para não dizer explosiva, porque temo se não forem tomadas medidas no mais curto espaço de tempo, das duas uma ou morremos todos ou vamos viver numa espécie de escravatura dos novos tempos e honestamente essa situação não é de todo desejável! Porra, nunca mais abrem as vagas para a criação de uma milícia para desse modo poder dar o meu contributo, nem que seja em horário pós-laboral ou ao fim de semana!!!
Até lá bons banhos e não te deixes impressionar com greves porque essas defitivamente não levam a coisa alguma!
UM abaço para ti e beijos às meninas, do cabeludo!

De Fernando Lopes a 12.07.2012 às 19:55

Abominável,

Não achas que estás um bocado velhote para Isabel do Carmo? Não duvido das tuas capacidades militares, mas não sei se será esse o caminho a seguir. De qualquer forma, já sabes que apoio a auto-determinação dos povos, mesmo pela via da luta armada! ;)
Quanto à falta de comentários por aqui, a culpa nunca é dos leitores, os temas é que não são suficientemente apelativos.
Hasta la victória, siempre!

Comentar:

De
Ainda não tem um Blog no SAPO? Crie já um. É grátis.
Comentário
Máximo de 4300 caracteres

Pesquisar

Pesquisar no Blog

Feedback

subscrever feeds