Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Invasão sem armas

por Fernando Lopes, 13 Fev 12

 

Ontem, com a Grécia a ferro e fogo, não pude deixar de me sentir solidário. O povo grego está a ser vítima do maior roubo da  história recente. Privado de direitos e de dignidade. Ao ler as notícias, qualquer ser humano minimamente inteligente se apercebe da "incumpribilidade" do programa imposto. Diminuição de salários, despedimentos em massa, foge ao meu entendimento em que medida este círculo vicioso e viciado pode contribuir para o eventual crescimento da economia. A receita parece-me ter o objectivo inverso. Pilhar tudo o que for possível, abocanhar o filet-mignon das empresas gregas, garantir a salvação dos credores e posteriormente declarar uma "falência controlada", quando já nada houver para tomar posse. Ao analisar esta autofagia da Europa vejo os gregos como a vanguarda que antecede Portugal. Resta-nos  aguardar se esta componente de crime e castigo se aplicará também a Portugal ou se por algum milagre da Nossa Senhora de Portas conseguiremos escapar a esta invasão sem armas.

Autoria e outros dados (tags, etc)

Comentar:

De
Ainda não tem um Blog no SAPO? Crie já um. É grátis.
Comentário
Máximo de 4300 caracteres

Pesquisar

Pesquisar no Blog

Feedback

subscrever feeds